terça-feira, 15 de maio de 2012



Ninguém precisa se assustar com a distância, 

os afastamentos que acontecem. 

Tudo volta! E voltam mais bonitas, mais maduras, 

voltam quando tem que voltar, voltam quando é pra ser.


                                                    Caio F. Abreu

Um comentário:

  1. Eu nunca fico muito tempo longe de ti!
    Não consigo!

    ResponderExcluir